Professora da Unifeob grava podcast semanal sobre agropecuária

Professora da Unifeob grava podcast semanal sobre agropecuária

Fernanda Borges usa a nova mídia para complementar o que ensina e se comunicar com profissionais da área

Em meio ao isolamento social decorrente da pandemia de coronavírus, as diferentes mídias são cada vez mais exploradas por usuários à procura de conteúdos variados; vídeos, e-books, streams e podcasts são alguns exemplos. A professora de Produção de Ruminantes e Administração Agropecuária da Unifeob, Fernanda Borges, está atenta às tendências e criou o próprio podcast semanal: Ciclo Rural – O podcast da pecuária.

“A ideia surgiu durante uma aula. Eu estava dando uma dica de um podcast que acompanho e perguntei se a turma também tinha esse hábito. Eles falaram que sim e citaram alguns”, relembra Fernanda. “Vi que não tinha nenhum voltado aos temas que ensino, algo que fosse técnico e prático. Pronto! Comecei a buscar conhecimento sobre como montar e editar e lancei o episódio piloto. A Unifeob, principalmente através da Cristiane Figueiredo, coordenadora do curso de Medicina Veterinária, me apoia bastante”.

Confira a lista de episódios do podcast da professora Fernanda Borges no Spotify: Ciclo Rural – O podcast da pecuária | Podcast

Diante do período de quarentena, ela pretende utilizar o podcast para ajudar as pessoas a passarem por esse momento. “Estou estudando para lançar um episódio especial sobre como usufruir do tempo durante o isolamento. Quero aproveitar esse canal de comunicação para oferecer ao público conteúdos diversificados, não somente técnicos e relacionados ao agronegócio”.

Audiência

Com três episódios publicados, a iniciativa recebe retornos positivos, especialmente por parte dos seguidores mais fiéis – os da sala de aula. “Eles ficam ansiosos pelo lançamento de cada edição, tentam adivinhar qual será o tema”, conta a professora. A audiência porém, já se estende para além da comunidade da instituição e começa a render frutos. “Alguns técnicos e empresas me enviaram feedbacks relatando interesse em participar de episódios também”, revela. “Estou estudando a melhor forma de fornecer esse conteúdo”.

“Os assuntos são definidos de acordo com os temas das aulas que dou durante a semana”, diz a podcaster Fernanda Borges.

Para interagir diretamente com ouvintes e internautas, Fernanda criou também um perfil no Instagram. “Eu sempre divulgo episódios novos no @ciclorural. Por lá o público também manda perguntas e faz comentários a respeito do tema discutido.” Atualmente, a página tem mais de 3,9 mil seguidores.

Produção

A edição do material é feita pela própria Fernanda, que também assina a gravação e o roteiro. “Os assuntos são definidos de acordo com os temas das aulas que dou durante a semana. São conteúdos extra, atualizações ou algo que eu queira reforçar com os estudantes”, explica. “Eu gravo em casa mesmo, só com meu celular e um fone de ouvido. Para editar, uso o meu computador”.

Ela reforça que embora o público-alvo sejam estudantes de ciências agrárias, os assuntos são de grande interesse para outras pessoas. “Produtores rurais e técnicos já formados, por exemplo, também podem usufruir bastante do podcast. Estou postando os episódios uma vez por semana, mas pretendo aumentar a frequência assim que possível”, garante.