Agrotech começa nesta quinta-feira (11/04) na Fazenda Escola da UNIFEOB

Agrotech começa nesta quinta-feira (11/04) na Fazenda Escola da UNIFEOB

Nos próximos dias 11, 12 e 13 de abril, a UNIFEOB e o Banco do Brasil realizam a Agrotech (Feira de Inovações de Tecnologia para o Agronegócio), na Fazenda Escola do centro Universitário. A feira começa às 15h e acaba às 22h, na quinta e sexta-feira. Já no sábado, ela abre as portas das 9h até às 15h.

Serão cerca de 30 empresas expositoras e uma expectativa de público de mais de 10 mil pessoas. Os organizadores do evento, que é produzido pela Agência Galeio, esperam que R$ 10 milhões em negócios sejam fechados durantes os três dias de feira.

Paulo Lazzrini, coordenador do curso de Engenharia Agronômica da UNIFEOB, conta que a Agrotech surgiu da necessidade de levar aos produtores e profissionais da área o que há de mais novo no mercado em tecnologia e gestão da agricultura e pecuária.

Ele explica que a agricultura e a pecuária estão passando por uma grande revolução tecnológica.

Neste cenário surge a agricultura digital e o agronegócio 4.0, em que as ações deixam o lado intuitivo e o empirismo para entrar em algo concreto e objetivo, baseado em dados.

Assim, a agricultura conhecida como “de precisão”, que utiliza tecnologia para a coleta e processamento de dados, migra para a digital, que pega estes dados e transforma em um software ou aplicativo para que o produtor tenha a melhor gestão de sua propriedade.

“A gestão sempre foi um gargalo da agricultura, que sempre teve muita intuição e subjetividade. E estamos indo para um momento mais consciente, com dados concertos para uma gestão eficiente com uso de tecnologias, o que gera economia na produção e uma agricultura mais sustentável”, revelou Lazzarini.

E é pensando em toda esta transformação que a Agrotech trará empresas que atuam na chamada Agricultura Digital ou 4.0.

“Serão três dias de feira com um pavilhão somente dedicado às empresas demonstrarem as novas tecnologias, com demonstração de equipamentos e novas tecnologias”, garantiu o coordenador da Agronomia.

Uma das startups presentes será a Perfect Flight, que atua na cadeia produtiva do agronegócio, com rastreabilidade e gestão sustentável da operação de pulverizações de insumos por meio de tecnologia web nuvem (Cloud computing architeture). “Estar presente na Feira de Inovação e Tecnologia do Agronegócio é uma oportunidade para termos contato direto com os produtores e explicar presencialmente como funciona nosso aplicativo e o quanto ele fomenta o rendimento das produções e reduz o índice de aplicação de defensivos agrícolas. Além de ser sustentável, uma vez que com os mapas e dados que fornecemos, as áreas de preservação se manterão intactas no momento da pulverização”, afirma Leonardo Luvezutti, gestor de operações da startup.

SYNGENTA
Um diferencial que a Agrotech traz, no sábado (12), é a Estação Conhecimento da Syngenta. Trata-se de um campo experimental em que a multinacional coloca todo o seu portfolio e demonstra suas tecnologias aos visitantes.

ENTRETENIMENTO
A feira, que é gratuita e aberta ao público, terá ainda um ambiente com praça de alimentação, espaço kids e shows regionais. “Nosso objetivo é trazer a família para dentro da UNIFEOB, pois teremos o envolvimento de todos os demais cursos da instituição no evento”, convidou Lazzarini.