Exercício e conscientização: conheça o projeto de estágio na unidade de Saúde Coletiva da Enfermagem Unifeob

Exercício e conscientização: conheça o projeto de estágio na unidade de Saúde Coletiva da Enfermagem Unifeob

Os estudantes se reúnem em Unidades de Saúde ou espaços cedidos para promover saúde e conhecimento

É um consenso entre profissionais de Saúde: prevenir é melhor do que tratar. Além de gerar hábitos saudáveis, como prática frequente de exercícios físicos e socialização, o projeto de Saúde Coletiva do curso de Enfermagem da Unifeob leva universitários às comunidades em torno de Unidades Básicas de Saúdes (UBS) e Unidades de Saúdes da Família (USF) de São João da Boa Vista.

Na última sexta-feira (13), estudantes se reuniram na Chácara Nsa. Senhora Conceição Aparecida, do casal Juvenal e Conceição Tarifa, para concluir o ciclo de atividades de 2020. “Essas visitas domiciliares são muito interessantes, porque estimulam tanto a parte comunicativa, para as pessoas terem um momento de confraternização, de conversar e contar histórias, quanto a parte laboral, para se exercitarem e verem como é importante fazer ginástica e se movimentar”, avalia Micaela Massaro, do 8º módulo de Enfermagem.

“Além de colocar em prática os ensinamentos, interagir e socializar, outra finalidade é conhecer a população que depende das USF”, diz o docente do curso de Enfermagem da Unifeob, Geraldo Antônio da Silva

O espaço foi oferecido por Juvenal porque, devido à pandemia, não é recomendado utilizar no momento a área da sala de espera da unidade Dr. Ermelindo Arrigucci, da Vila Valentim, por conta de suas dimensões. “Perguntaram se podiam usar o quintal da minha casa. Aí ficaram fazendo ginástica aqui e eu fiquei muito feliz”, relata. “Para mim é uma maravilha, é minha vida, eu sou voluntário de fato, para poder ajudar”.

Enfermagem na prática

Recentemente, os estudantes também auxiliaram na testagem de profissionais de delivery para Covid-19. Segundo o professor Geraldo Antônio da Silva, atividades assim são parte da grade curricular do curso e acrescentam conhecimentos para se tornarem enfermeiros diferenciados com visão generalista. “Além de colocar em prática os ensinamentos, interagir e socializar, outra finalidade é conhecer a população que depende das USF”, conta.

A cada mês, um grupo é escalado para estagiar nas unidades de Atenção Primária à Saúde. “Pontuamos seus objetivos e incubências, como atribuições privativas dos enfermeiros como gestores da Unidade, responsáveis pela promoção de ações de Educação em Saúde. Hoje, em especial, falamos sobre o Novembro Azul, da importância da prevenção e do tratamento referente ao câncer de próstata”, explica.

Geraldo aproveita para agradecer a disponibilidade do Seu Juvenal em permitir o uso do local para a comunidade. Isso garantiu a continuação de um projeto que há mais de quatro anos cuida e atende às necessidades das famílias da região. “Ele carinhosamente fez o convite para mim, com os estagiários da Unifeob, e deixou o espaço aberto para a realização de ações como essa, de conscientização”, relembra o professor.

Trilha ecológica

Como o encontro marcou a conclusão do projeto em 2020, o casal preparou uma recepção para os convidados, com direito a um passeio ecológico e muitas histórias e ensinamentos. “É uma trilha de 500 metros com 140 qualidades de árvore, toda sinalizada”, explica Juvenal, que se alegra com a presença do curso de Enfermagem. “Tomar um lanche com o pessoal da Unifeob foi muito bom, sempre agradeço a Deus por essa gente maravilhosa que tenho aqui. É a minha vida, minha paixão, morar aqui com minha esposa. Uma maravilha”.

Para a estudante Raissa Floriano, do 5º módulo, a experiência contribui não só para a sociedade, mas também para os universitários. “Agrega muito à nossa formação. É importante ter essa convivência, tanto hospitalar, quanto em ambientes como esse. É um conhecimento que segue por gerações, eu vou poder passar para meu filho, por exemplo”, observa. “Essa convivência com o público ajuda a gente, lá na frente, a falar melhor, socializar, interagir e colocar em prática a Enfermagem”.