Ação contra a dengue é feita por estudantes da UNIFEOB

Ação contra a dengue é feita por estudantes da UNIFEOB

Estudantes de Medicina Veterinária, Ciências Biológicas e Biomedicina da UNIFEOB fizeram uma varredura no Campus Mantiqueira para identificar e eliminar criadouros de Aedes aegypti, mosquito transmissor da dengue. Durante uma hora, grupos percorreram a estrutura da instituição coordenados pela professora de Microbiologia e Imunologia Veterinária, Juliana Bonfante. “Eles têm que saber o que é um foco, que ações podemos fazer para colaborar. Às vezes, parece uma coisa pequena, mas ajuda demais”, afirma.

Uma das participantes foi Ana Lívia São Pedro. A estudante de Medicina Veterinária já contraiu dengue e sabe dos perigos da doença. “Foi péssimo, senti muita dor no corpo. Dói para fazer tudo, tive febre super alta”, relembra. Ela julga importante abordar isso na sala de aula por ser uma questão relevante atualmente. “A gente aprende que a dengue afeta nossa imunidade, mas que é possível evitar com ações em nossa própria casa”.

“Os estudantes têm que ter consciência de que cada um deles tem uma função nisso”, diz Juliana Bonfante.

A iniciativa foi elaborada pelas coordenadoras Cristiane Figueiredo, de Medicina Veterinária, e Cíntia Rossi, de Ciências Biológicas e Biomedicina. “Vendo a situação de São João da Boa Vista, elas julgaram importante realizar uma ação com esses cursos, que estão totalmente relacionados à epidemiologia”, explica Juliana. “A dengue é um problema da sociedade, então quem pode ajudar a resolver é a própria sociedade. Os estudantes têm que ter consciência de que cada um deles tem uma função nisso”.