Pós-graduação em Educação

No momento não temos turmas abertas para este curso. Caso tenha interesse, favor entrar em contato com (019) 3634-3322

Educação Infantil – Diretrizes às Práticas Educativas

O curso de Pós-Graduação Lato Sensu em Educação Infantil – Diretrizes às Práticas Educativas baseia-se na formação de um educador-pesquisador, profissional com postura crítica, reflexiva e investigativa, capaz de contribuir na construção de projetos educativos. O curso propõe um diálogo entre a UNIFEOB e a comunidade escolar, que ocorre a partir de situações existenciais concretas.

Está estruturado em módulos que visam aprofundar os conhecimentos básicos para a atuação no trabalho cotidiano em instituições de Educação Infantil, bem como a formação de profissionais para cuidar/educar crianças de 0 a 6 anos.

Objetivos

  • Compreender os aspectos políticos da Educação Infantil com foco nas políticas públicas que envolvam a família, o Estado e as instituições educacionais;
  • Resgatar o conceito de criança enquanto construtora de seu próprio conhecimento e de sua história social, pessoal, cidadã e como sujeito de direitos;
  • Promover uma reflexão sobre os fundamentos históricos, sociopolíticos, pedagógicos e psicológicos relativos à Educação Infantil;
  • Aprender as dimensões constitutivas da atuação docente na Educação Infantil, com base em uma proposta interdisciplinar que envolva a comunicação e a expressão infantil, mediante o uso da linguagem em suas diferentes manifestações: oral, escrita, literária, plástica, musical e lúdica.

Público alvo

  • O curso é voltado para profissionais com nível superior completo;
  • Professores e demais membros do magistério, em exercício nas instituições de Educação Infantil;
  • Assessores ou dirigentes de órgãos executivos ou normativos de sistemas educacionais;
  • Profissionais de órgãos públicos, privados ou entidades com atribuições de pla nejamento, gestão ou controle de educação.

Apresentação

A Educação Infantil hoje, no cenário nacional, apresenta-se como uma das etapas obrigatórias da Educação Básica. A criança de 04 anos ao ingressar na escola, encontra seu importante momento de transição. Ao mesmo tempo em que se vê diante de uma série de oportunidades, depara-se com forte angústia, do novo e do desconhecido. Terá de se submeter-se a regras e ao difícil processo de aprendizagem em instituições que não contam com profissionais preparados e capacitados.

O curso tem como objetivo oferecer caminhos para a formação dos professores e gestores da Educação Infantil para que possam compreender a consciência do mundo da criança. E estes caminhos, passam invariavelmente, pelas atividades práticas que serão trabalhadas, apresentadas e construídas nas aulas, diferenciais apresentados na Proposta do Curso.

Com as atividades práticas buscamos desenvolver nos professores clareza quanto às concepções da criança da educação infantil, das práticas pedagógicas, do desenvolvimento de atividades que enriqueçam o conhecimento de mundo e de si mesmo. Os temas geradores do curso (BRINCAR/EDUCAR/CUIDAR) formam o educador para que possa respeitar e aproveitar a natureza infantil, trabalhar a fantasia da criança, sua emoção, integrando-a ao seu processo de desenvolvimento e conhecimento, para que se sentindo respeitada possam integrar-se num mundo social e cultural.

Outro diferencial do curso são as aulas on-line que proporcionam aos alunos maior autonomia e flexibilidade buscando desenvolver competências, habilidades e atitudes, elementos fundamentais aos educadores na sociedade do conhecimento.

Essas atividades de formação devolverão à escola de educação infantil sua função social, sendo promotoras de espaços que permitam que as crianças vivam novas experiências, organizem sentimentos, desenvolvam a criatividade e a afetividade.

A integração da instituição da educação infantil e o ensino fundamental também é objeto de trabalho durante o curso com clareza e significado para que essa transição da educação infantil para o ensino fundamental possa transcorrer naturalmente.

Durante o curso os alunos terão oportunidade de compartilhar suas descobertas e principalmente as experiências vividas em seus municípios.