Projeto Pedagógico da UNIFEOB desperta o interesse da UNIUBE

Projeto Pedagógico da UNIFEOB desperta o interesse da UNIUBE

No dia 18 de outubro, a UNIFEOB recebeu a visita de uma comissão da UNIUBE – Universidade de Uberaba.

O objetivo dos visitantes foi conhecer o Projeto Pedagógico do Centro Universitário Fundação de Ensino Octávio Bastos, reconhecido no cenário da educação superior brasileira por seu caráter inovador e pragmático.

A UNIFEOB, Centro Universitário de São João da Boa Vista (SP), desde 2012, coloca-se no desafio de construir um novo Projeto Pedagógico, em que a educação superior forma além de especialistas, mas também possibilita ao estudante desenvolver suas potencialidades, conhecer melhor a si e ao mundo, preparando-o para as novas exigências da sociedade.

Marilene de Lourdes Vieira, que atua no apoio pedagógico da Pró-Reitoria de Ensino Superior da UNIUBE, explica como surgiu a ideia de visitar a UNIFEOB. “A ideia de visitar a universidade surgiu com nosso Pró-Reitor, que leu um artigo relacionado ao trabalho da UNIFEOB e nos despertou a curiosidade de conhecer. Eu pesquisei, li vários textos e artigos sobre este projeto, viemos conhecer e estamos voltando encantadas com o trabalho que se faz aqui”, explica.

O Projeto Pedagógico da UNIFEOB fundamenta-se na formação técnica complementada pelo desenvolvimento das competências atitudinais necessárias para quem deseja ter sucesso em um mundo cada vez mais conectado, dinâmico e tecnológico. São nove competências cuidadosamente selecionadas e trabalhadas ao longo de todo o curso. O processo é acompanhando pelos professores orientadores que discutem os comportamentos apresentados em “situações-problema”, criadas durante as dinâmicas das aulas e proporcionam momentos de tomada de consciência, ou feedback.

A Coordenadora Pedagógica, Inês Waitz, conta que foi necessário pensar além para colocar em prática o projeto. “Obviamente, seria impossível observar tais comportamentos com alunos sentados em suas carteiras enquanto ‘copiam a lousa’ ou ouvem passivamente seus mestres. Foi necessário desenvolver também no corpo docente uma nova forma de enxergar a educação. Aos poucos, as abordagens baseadas em metodologias ativas foram tomando espaço e diferenciando a sala de aula”, explica.

Inês detalha como os cursos são organizados. “Os cursos se organizam em módulos temáticos, em que unidades de estudos se complementam e, principalmente, criam contexto e significado para os estudantes. Mais do que isso, essas unidades articuladas geram projetos integradores desenvolvidos, em todos os módulos do curso, por alunos com a mão na massa”, esclarece.

Buscando aprofundar o olhar do estudante para as habilidades socioemocionais, a UNIFEOB apresenta o Eixo de Desenvolvimento para a Vida, uma nova perspectiva de ensino que considera igualmente os aspectos profissionais e pessoais. Temas como aprendendo a aprender, adaptando-se a mudanças, exercitando o raciocínio lógico, gerenciando o tempo, conhecendo a si mesmo, convivendo com a diversidade, dentre outros, são trabalhados de forma transversal a todos os cursos, por meio de unidades de estudo desenvolvidas no ambiente de aprendizagem virtual.

Marilene de Lourdes Vieira também destaca que a forma com que a metodologia é aplicada faz toda a diferença. “É um modismo falar em metodologias ativas, muitas instituições falam, mas é difícil colocá-la em prática. Aqui, de fato, essas metodologias são colocadas em prática, há todo um contexto maior pensado, não se limitando a uma atividade isolada de sala de aula”, frisa.

Lilian Margareth Biagioni de Lima, membro da equipe pedagógica a Pró-Reitoria de Ensino Superior da UNIBUBE, salientou o desejo de desenvolver o trabalho em parceria com a UNIFEOB. “O projeto para nós foi encantador. A forma de organizar a matriz curricular é uma novidade. E vamos continuar nessa parceria para fazermos um trabalho tão bom quanto vocês já estão fazendo aqui e para ambos aprendermos cada vez mais”, afirma.

A visita de outras Instituições de Ensino corrobora a qualidade do projeto e a importância de acreditar em um novo modelo de faculdade, que propõe um desenvolvimento completo para o estudante. Outras visitas à UNIFEOB estão sendo programadas.