Ex-aluna de Med. Veterinária da UNIFEOB faz Mestrado na Califórnia

Ex-aluna de Med. Veterinária da UNIFEOB faz Mestrado na Califórnia

Dra. Monise Magro se formou em Medicina Veterinária pela UNIFEOB em 2010, e atualmente está completando seu Curso de Mestrado em Medicina Veterinária Preventiva pela Universidade da Califórnia – Davis (University of California, Davis – UC Davis), a qual é considerada uma das melhores universidades do mundo e este ano foi classificada a melhor universidade de Medicina Veterinária dos Estados Unidos.

“Foi uma honra ter obtido meu título de Médica Veterinária pela UNIFEOB. Posso garantir que a excelente grade curricular oferecida e o grupo acadêmico de professores e profissionais do curso de Veterinária da UNIFEOB me permitiram estar preparada para esse novo desafio em minha carreira”, Monise.

A mais de quatro anos morando e estudando nos Estados Unidos, Dra. Monise afirma que a experiência de viver fora de sua zona de conforto foi um dos maiores desafios em sua vida, mas fez com que crescesse imensamente pessoal e profissionalmente, e ainda acrescenta que sua busca por mais conhecimentos está somente começando. Ela diz: “Eu aprendi e ainda estou aprendendo muito durante todo esse tempo fora do Brasil. Meu mestrado tem aberto portas incríveis para mim em um dos melhores centros de pesquisas veterinária do mundo. Tenho me aperfeiçoado em áreas profissionais como Bioestatística e Epidemiologia, envolvendo a aplicação de análises estatísticas e epidemiologia espacial usando softwares como ArcGIS e RStudio. Também expandi muito meus conhecimentos sobre doenças infecciosas e zoonóticas, conceitos em Saúde Única, e comunicação efetiva nas áreas de política na saúde animal e humana”.

Recentemente, Dra. Monise participou de um evento em Washington DC – EUA, chamado “Global Animal Health Policy Program 2015” (Programa de Política de Saúde Animal Global 2015), onde teve a oportunidade de interagir com organizações nacionais e internacionais para discutir sobre a implementação de medidas políticas em relação aos efeitos das mudanças climáticas e seu impacto na pecuária, na saúde animal, e consequentemente na segurança alimentar mundial. “Estar envolvida em assuntos de interesse mundial e poder participar de eventos que trazem junto organizações tão importantes como USAID – United States Agengy for International Development (Agência de Desenvolvimento Internacional dos Estados Unidos), Wildlife Conservation Society (Sociedade de Conservação de Animais Silvestres), entre outras, tem sido uma experiência única nos últimos meses”, afirma ela.

Particularmente, Dra. Monise tem interesses em doenças animais infecciosas e zoonóticas, Epidemiologia, Saúde Pública e Saúde Única. Segundo ela: “O termo Saude Única, o que chamamos aqui de “One Health”, envolve a interação do animal, humano e o ambiente na saúde. No meu projeto de pesquisa, por exemplo, eu estou estudando as tendências em padrão espacial e temporal de doenças fúngicas sistêmicas em cães e gatos da Califórnia, que são doenças que também ocorrem em humanos. Os objetivos desse estudo são identificar potenciais fatores ambientais e climáticos na ocorrência, emergência e transmissão dessas doenças, com o objetivo principal de melhorar a prevenção e o manejo dessas enfermidades”.

 

Coordenação de Medicina Veterinária