ENCERRAMENTO DAS AULAS DE BRAILLE

ENCERRAMENTO DAS AULAS DE BRAILLE

Mais uma turma do curso de extensão em Braille encerrou as atividades nesse sábado, dia 28 de novembro.A linguagem é o principal método de leitura para os deficientes visuais.

A UNIFEOB vê e investe na multiplicação do método Braille, que é uma forma de incluir os portadores de necessidades especiais nas escolas e universidades.

As aulas são quase individuais, com poucos alunos por turma, em cada aula são passadas três letras. Os participantes que não possuem deficiência são convidados a participar de um mini-vivencial para orientação e mobilidade no qual experimentam a sensação de não enxergar.

O Curso é aberto para alunos da UNIFEOB, para professores de maneira geral e para deficientes visuais.

A professora e coordenadora do Projeto Laura, no qual estão inseridas as aulas de Braille, Renata Melo é um exemplo para todos os alunos e voluntários. Ela é deficiente visual e se formou no Curso de Direito da UNIFEOB, além de ser professora do curso.

“Saber que existe um método para que o deficiente visual possa ler e assim estar inserido na escola ou universidade é algo muito importante para a comunidade”, ressalta Renata.

A UNIFEOB é uma das poucas instituições de ensino da região que valorizam a inclusão e prova disso é que disponibiliza para a comunidade uma bibliotecas Braille com diversos títulos.