Análise e Desenvolvimento de Sistemas

O curso

O curso forma profissionais para gerenciar e desenvolver projetos de softwares. Assim, o estudante entenderá métodos para processar a informação de forma mais eficiente e racional. Essa formação profissional apresenta-se como excelente alternativa e vai de encontro com um mercado de trabalho em expansão e carente de profissionais com sólida formação técnica e acadêmica.

Clique aqui e confira o site de projetos do Curso.

Por que estudar na UNIFEOB?

Associando prática à teoria, o curso de Análise e Desenvolvimento de Sistemas da UNIFEOB fornece ao aluno o conhecimento necessário, através da aplicação de disciplinas que desenvolverão assuntos pertinentes às novas tecnologias, além de ferramentas e práticas da computação em termos de linguagens de programação, banco de dados, redes de computadores, sistemas operacionais e segurança e auditoria de sistemas.

botao_pagina_cursos

Diferenciais do Curso

A UNIFEOB sempre atenta às transformações do mundo contemporâneo, principalmente no mundo do trabalho, desenvolve em seus cursos um projeto integrado de formação por competências.

Mas o que vem a ser “formação por competências”? É uma proposta de educação que visa promover, com efetividade, as aprendizagens necessárias que assegurem, ao futuro profissional, flexibilidade para enfrentar situações concretas de trabalho, com maior autonomia, capacidade de resolver novos problemas e comportamento empreendedor, garantindo, assim, uma maior empregabilidade.

Os professores e coordenadores dos cursos organizam os currículos e projetos traduzindo as competências profissionais em competências educacionais, acrescentando estratégias pedagógicas para uma aprendizagem mais fundamentada e significativa. Isso significa proporcionar aos alunos o aumento de suas potencialidades e a oportunidade de trabalhar com situações-problema, desenvolvendo capacidades relativas à cooperação, comunicação, autonomia, criatividade, etc. Com essas estratégias, espera-se que os alunos possam expandir sua vivência profissional, adquirindo condições mais favoráveis para se adaptarem à dinâmica da sociedade e às exigências do mercado de trabalho.

OS DIFERENCIAIS:

– Ao contrário dos currículos tradicionais, de visão meramente conteudista e de “transmissão de informações”, a formação por competências privilegia a organização curricular modular, flexível e contextualizada, sintonizada com o mundo do trabalho. Em vez de se partir de conteúdos já existentes, parte-se de situações concretas, recorrendo-se às disciplinas (unidades de estudo) na medida das necessidades requeridas por essas situações.

– Organização modular: os módulos são estruturados a partir das competências que se pretende que o aluno desenvolva para atender a funções específicas do mundo do trabalho;

– Características como interdisciplinaridade – conexão entre os conteúdos, e multidisciplinaridade – repertório maior de conteúdos na formação do aluno, o que permite uma compreensão menos fragmentada e parcial dos cenários complexos em que irá atuar;

– Ênfase na prática profissional utilizando, como estratégias, estudos de casos, jogos de empresas, visitas técnicas, trabalhos de campo e projetos interdisciplinares, que favorecem a integração com a comunidade, o desenvolvimento da responsabilidade social e a capacidade empreendedora dos alunos;

– Possibilidade de integração entre cursos pertencentes a áreas afins, o que amplia oportunidades de produção coletiva de conhecimentos e de tecnologias, além do aumento da rede de relacionamento (networking) e a oportunidade de exercitar os alunos na experiência de conviver em um ambiente de diversidade;

– Corpo docente formado por professores efetivamente atuantes no mercado de trabalho, capazes de compartilhar sua experiência profissional com os alunos;

– Inserção de unidades de estudo e/ou temas transversais que propiciam a formação humanística e o favorecimento de mudanças comportamentais – Ética, Liderança, Empreendedorismo, Sustentabilidade, entre outros;

– Avaliação da aprendizagem com caráter dinâmico e formativo – avaliação “transversal”, elaborada pelos docentes que contribuíram em um determinado módulo, para a formação das competências previstas no projeto do curso.

 

*Algumas disciplinas podem ser em EaD

Assista a uma aula demonstrativa:

Coordenador

MAX STREICHER VALLIM

Mestre em Educação (PUCCAMP), Especialista em Redes de Computadores (UNAERP), Especialista em Gerenciamento de Sistemas de Informação (PUCCAMP), Graduado em Análise de Sistemas (PUCCAMP) e Graduado em Ciências Contábeis. Professor e consultor na área de Sistemas de Informação e Contabilidade.

MÓDULO - A

ANÁLISE E PROJETO DE SISTEMAS

GESTÃO FINANCEIRA

LINGUAGEM E TÉCNICAS DE PROGRAMAÇÃO I

SISTEMAS OPERACIONAIS

MÓDULO - B

ARQUITETURA DE COMPUTADORES

EMPREENDEDORISMO

GESTÃO DA PRODUÇÃO

LINGUAGEM E TÉCNICAS DE PROGRAMAÇÃO II

MÓDULO - C

GESTÃO DE RECURSOS HUMANOS

INTERFACE USUÁRIO MÁQUINA

LINGUAGEM E TÉCNICAS DE PROGRAMAÇÃO III

TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO

MÓDULO - D

DESENVOLVIMENTO ÁGIL

GESTÃO DE MARKETING

LINGUAGEM E TÉCNICAS DE PROGRAMAÇÃO IV

REDES DE COMPUTADORES

MÓDULO - E

BUSSINESS INTELLIGENCE

ÉTICA E LEGISLAÇÃO APLICADA

LINGUAGEM E TÉCNICAS DE PROGRAMAÇÃO V

SEGURANÇA E AUDITORIA DE SISTEMAS



Tem interesse nesse curso?

Preencha o formulário abaixo.