Acessibilidade

accessibility-800x450

As diversas mudanças conceituais sobre a educação especial, nas últimas décadas, convidam as Instituições de Educação Superior a repensarem suas ações, organizando uma proposta pedagógica em um contexto mais amplo, destinada a assegurar e a promover, em condições de igualdade, o exercício dos direitos e das liberdades fundamentais por pessoa com deficiência, visando à sua inclusão social e cidadania de acordo com a Lei Brasileira de Inclusão da Pessoa com Deficiência. (BRASIL, 2015).

 

De acordo com essa normativa, considera-se pessoa com deficiência aquela que tem impedimento de longo prazo de natureza física, mental, intelectual ou sensorial, o qual, em interação com uma ou mais barreiras, pode obstruir sua participação plena e efetiva na sociedade em igualdade de condições com as demais pessoas.

Nesse sentido, a UNIFEOB vem se organizando para que seus atendimentos psicopedagógicos absorvam as demandas desses estudantes.

Se, ao longo do semestre, forem identificadas, tanto pelos docentes como pelo próprio discente, quaisquer situações que dificultem o seu desenvolvimento e aprendizagem, e que não possam ser solucionadas no ambiente da sala de aula, a Instituição conta com o apoio dos profissionais internos que fazem parte do Núcleo de Apoio Psicopedagógico ao Estudante UNIFEOB (NAP) uma psicóloga e uma psicopedagoga. O NAP constitui serviço de:

  • PREVENÇÃO, realizando orientações, palestras e oficinas quanto a hábitos de estudo, organização do tempo, como falar em público e outros temas, conforme demanda.
  • INTERVENÇÃO, oferecido ao estudante para melhorar sua qualidade de vida acadêmica e seu processo de aprendizagem durante o curso, assim como contribuir para sua formação pessoal e profissional, atendendo universitários com dificuldades e transtornos de aprendizagem, de integração e relacionamento interpessoal e profissional no ambiente acadêmico.

Além disso, o NAP orienta, acompanha e encaminha, se necessário:

  • Estudantes com deficiências e/ou limitações para que possam participar das variadas situações e oportunidades de aprendizagem e formação pessoal/profissional oferecidas pela Instituição.
  • Universitários com Transtorno do Espectro Autista com atendimento que vise facilitar sua integração social e aprendizagem, bem como orientação a professores e pais sobre como promover a inserção social e a aprendizagem de pessoas autistas.

Além do NAP, na UNIFEOB há profissionais que podem ser acionados para auxiliar em necessidades educativas especiais, como aprendizagem de Libras (Língua Brasileira de Sinais) ou Braile (sistema de leitura e escrita para cegos). Esses professores também estão capacitados a promover o treinamento de docentes e equipe administrativa que estejam em contato com o estudante.

Entre os cursos de extensão, também é oferecido o Sistema Braile para capacitação do público discente, pessoas com baixa visão ou cegos, além da comunidade em geral.

É importante ressaltar o olhar para situações especiais de acessibilidade, como casos de universitárias grávidas, idosos e obesos em que há o cuidado da Instituição para que todos sejam bem atendidos.

A equipe do Departamento de Gente e Gestão, junto ao Departamento Conexão (Responsabilidade Social), praticam uma política de capacitação do corpo técnico-administrativo com o objetivo de garantir a inclusão social e o acesso pleno de todos os estudantes aos nossos serviços. A UNIFEOB acredita que, por meio da educação, é possível inserir integralmente a pessoa com deficiência na sociedade, para que ela acesse todos os serviços de direito, como a saúde, a assistência social, a cultura e o lazer.